Home / Uncategorized / Biografia da cantora Elba Ramalho

 

Biografia da cantora Elba RamalhoElba Maria Nunes Ramalho ou Elba Ramalho, quarta filha do casal João Nunes de Souza e Maria Geni Ramalho. Os filhos do casal, pela ordem, são: Everaldo, Everton, Ednovalda (Vavá), Elba, Eracliton e João Nunes Filho, todos nascidos também em Conceição/PB.

Elba Ramalho nascida 17 de agosto de 1951, no interior da Paraíba, município de Conceição, mais conhecido como Conceição do Vale do Piancó. Filha de um músico, começou a tomar interesse pela música na adolescência, quando residia em Campina Grande.

Em 1962, a família de Elba Ramalho se mudou para Campina Grande PB, onde o pai se tornou proprietário do cinema da cidade e Elba fez o antigo curso ginasial. Quatro anos depois, pisava no palco pela primeira vez, em uma apresentação do Coral da Fundação Artística e Cultural Manuel Bandeira, do qual fazia parte. Durante o curso universitário de sociologia e economia na Universidade Federal da Paraíba, formou o conjunto feminino As Brasas.

Em 1974, Roberto Santana, produtor de Chico Buarque e Caetano Veloso, para se apresentar como crooner, ao lado do Quinteto Violado durante uma temporada no Rio de Janeiro. No momento de retornar ao Nordeste, Elba Ramalho se negou a fazê-lo.

Biografia de Elba Ramalho

Biografia de Elba Ramalho

 

Decidiu abandonar tudo (inclusive o curso universitário no último ano) e ficar no Rio de Janeiro, sem qualquer apoio ou recurso financeiro. Passando a freqüentar o Baixo Leblon, conheceu artistas como Alceu Valença e Carlos Vereza.

Ainda em 1974 Elba Ramalho participou da peça Viva o Cordão Encarnado, com o grupo de teatro Chegança, de Luís Mendonça, chamando a atenção da crítica pela hiperatividade no palco, o que se tornaria a principal característica.

Outra montagens vieram até que em 1978 Elba Ramalho participou da peça teatral Ópera do Malandro, de Chico Buarque, uma grande montagem dirigida por Luiz Antonio Martinez Corrêa. Elba interpretava o papel da prostituta Lúcia. Havia também no elenco, nomes como Otávio Augusto (Max), Marieta Severo (Terezinha) e Emiliano Queiroz (Geni). A Ópera do Malandro foi lançada numa época em que a poética de Chico Buarque estava “afiadíssima”. Elba Ramalho foi presença de grande destaque, o que impulsionou a carreira de atriz e cantora. Diante disso, Chico Buarque inseriu uma gravação O meu amor interpretada por Marieta Severo e Elba Ramalho para o disco que tinha o nome como título, lançado em 1978. A canção se eternizou e o sucesso deu a Elba a oportunidade de gravar o primeiro álbum, pela CBS, em 1979, intitulado Ave de prata.

A partir de então, Elba Ramalho se direcionou mais para a carreira de cantora, embora, segundo ela própria, o teatro esteja em todos os shows, sendo o grande responsável pela força cênica peculiar.

Em 1980 Elba Ramalho gravou o segundo LP, Capim do vale, e fez a primeira turnê internacional, na África. No ano seguinte, participou do Festival de Jazz de Montreux, Suíça, e lançou o disco Elba. Em 1982 lançou o disco Alegria, vendendo mais de 300 mil cópias só no Brasil, e apresentou-se na Europa e em Israel.

Em 1983 Elba Ramalho lança o álbum Coração Brasileiro e se consagra definitivamente na primeira linha da MPB. A música Banho de cheiro, estourou nas paradas, puxando uma seqüência de hits deste mesmo álbum. Coração Brasileiro rapidamente conquistou discos de ouro e platina, e o show do mesmo nome, realizado no Canecão, bateu pela primeira vez os recordes de público ali registrados nos shows de Roberto Carlos. Elba foi capa da Veja, sendo considerada pela revista “a maior estrela da música brasileira em 1983”. A cantora foi também tema do especial de fim de ano da Rede Globo.

Desde então Elba Ramalho é tida como uma das principais intérpretes da música brasileira, com expressivas vendagens, graças à presença de palco e voz inconfundível. Na festa de São João, realizada anualmente em Campina Grande, a presença de Elba já é tradicional, como o show mais esperado. Em fevereiro de 1989, aos 37 anos, fez um ensaio comedido para a revista Playboy.

Elba Ramalho foi casada com o modelo Gaetano Lopes (1995-2008), como quem tem duas filhas, Maria Clara, adotada em 2000, e Maria Esperança, adotada em 2007 e também fora casada com o ator e cantor Maurício Mattar, com quem teve um filho, Luã (1987).

Em 2001 um jornalista da revista Veja afirmou em uma matéria que Elba Ramalho tinha dito em um congresso de ufologia em Curitiba que havia sido chipada por extraterrestres. A afirmação rendeu um processo por danos morais contra a revista, mas o veredito anunciado em 2006 não deu ganho à cantora.

Biografia da cantora Elba Ramalho

 
Share this page
 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
 
%d blogueiros gostam disto:
Play All Replay Playlist Replay Track Shuffle Playlist Hide picture