Cidades, Praias e o Arquipélago de Abrolhos no extremo sul da Bahia

Quem pensa em baleias no Brasil pensa logo em Abrolhos, um Parque Marinho conhecido, e é justamente em frente ao arquipélago que ficam as cidades que fazem parte desse roteiro.

O turismo pela costa compreende as cidades de Prado, Alcobaça, Caravelas, Nova Viçosa e Mucuri, e começou a ser explorado há pouco mais de uma década, o que garante uma natureza bem conservada e muitas praias vazias.

As baleias da espécie jubarte, conhecidas pelo temperamento dócil e tamanho médio de 13 metros, saem da Antártida, nadam durante cerca de dois meses, chegam à costa baiana em julho e ficam até o final de outubro, comecinho de novembro. Mas durante o ano todo a região oferece atrativos para o visitante.

mapa da Costa das Baleias no extremo sul da Bahia
mapa da Costa das Baleias

Começando pelas vilas coloniais, igrejas e sobrados com frontarias azulejadas de cerâmicas portuguesas, passando por mangues, cachoeiras e praias infinitas até chegar ao mar, que oferece ilhas e belos mergulhos em recifes de corais, onde é possível ver também tartarugas marinhas.

Em Prado, com 50 quilômetros de areia fina branca e mar esverdeado, opções de praias não faltam. As melhores são Tororão, Paixão, Cumuruxatiba, Barra do Cahy e Flor do Caribe, mas também compensa fazer passeios de buggy pelas dunas e de barco até o Recife do Guaratiba, onde é possível mergulhar e fazer snorkel.

Para quem procura aventura, em Alcobaça o mergulho é para ver dois barcos naufragados, submersos a 27 e doze metros, na barreira de corais Parcel de Paredes.

Com um centrinho bem equipado e com opções de restaurantes à beira mar, duas praias ganham destaque pela estrutura: a que leva o nome da cidade e a do Farol. Se o desejo é sossego, Coqueiro, Zeloris e Barra do Itanhém, com entrada do rio no mar, são as opções. Da cidade é possível chegar até algumas cachoeiras, indo pela estrada em direção à fronteira com Minas Gerais e Espírito Santo.

Em Caravelas fica o centro de visitantes do Parque Nacional de Abrolhos, alguns casarões históricos, e do seu porto saem vários barcos para passeios e mergulhos. Nas praias de Iemanjá e Grauçá há algumas barraquinhas e mais movimento que na Barra do Sul, mais deserta.

Para ver igrejas e construções do século XVIII, Nova Viçosa é o melhor destino. A da matriz, de Nossa Senhora da Conceição, foi construída em 1733 e continua no mesmo local; tem também a da Nossa Senhora da Piedade, da Ajuda, a de São Benedito e São Sebastião, em boas condições de conservação. A velha estação ferroviária também é um ponto de interesse.

Cidade que nasceu com os cafezais, Mucuri tem história e duas atrações que a tornam única na região: a praia da Costa Dourada, com falésias e piscinas naturais, e as de Malvinas e do Pôr do sol, com bases do Projeto Tamar e pontos de desova de tartarugas marinhas.

Cidades e praias no extremo sul da Bahia

Mucuri

Mapa Turístico de Mucuri na Bahia
Mapa Turístico de Mucuri na Bahia

No ponto extremo, ao sul da Costa das Baleias, está Mucuri, que tem duas praias. A pequena cidade tem casas rústicas e bares ao longo de seus 11 km de extensão de frente para o mar.

Entre os principais pontos turísticos estão a Passarela do Gigica, a Lagoa Azul, a praia da Costa Dourada e o rio que leva o mesmo nome da cidade.

Guia Turismo de Mucuri na Bahia

A capela dedicada a São José, hoje padroeiro de Mucuri, e o município passou a ser oficialmente chamado de Mucuri.

Antiga vila de pescadores, a pesca e a agricultura eram de subsistência.

Mucuri possui 35 km de praias urbanas e virgens com falésias e inúmeros coqueirais. Atualmente está despertando para o turismo recebendo, em sua grande maioria, mineiros, goianos e baianos.

Seu nome tem origem na língua tupi e é o nome de uma madeira abundante no local. As Praias: a Praia da Barra, Praia da Cacimba do Padre, Praia da Jacuriba, Praia da Vila, Praia de Malvinas, Praia de Mucuri, Praia do Pôr-do-Sol, Praia do Sossego, Praia dos Coqueiros e Praia dos Lençóis.

Aí, na parte sul, está uma base do Projeto TAMAR de Tartaruga Marinha. Na cidade há uma pousada e um restaurante que serve comida regional. Há também um aeroporto regional perto da cidade.

Praia da Costa Dourada em Mucuri na Bahia
Praia da Costa Dourada em Mucuri na Bahia

O acesso é via BA-698: 66 km, saindo de Teixeira de Freitas, no noroeste, na BR-101, ou saindo de Nova Viçosa, a 31 km ao norte, na mesma estrada.

Nova Viçosa

mapa de Nova Viçosa na Bahia
mapa de Nova Viçosa na Bahia

A última cidade ao longo da Costa das Baleias é Nova Viçosa, onde há sete praias bonitas e a Ilha de Coroa Vermelha – boa para mergulho. Duas das praias – Pau Fincado e Lugar Comum – são muito procuradas, especialmente pelos jogadores de vôlei de praia.

As duas últimas praias – Sabacuí e Costa do Atlântico – são um tanto desertas e boas para a pesca de robalo e camarão. Em Costa do Atlântico, há uma pequena vila de pescadores.

Nova Viçosa na Bahia

Cerca de duas horas de barco de Nova Viçosa, encontram-se no mar corais de recife bons para mergulho. Um pouco ao norte está a Ilha da Coroa Vermelha, ilha deserta, com vistas submarinas espetaculares. Essa área no mar está no caminho para o Parque Marinho dos Abrolhos.

Passeios

Arquipélago de Abrolhos

Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
Parque Nacional Marinho dos Abrolhos

O primeiro homem a citar o arquipélago, Américo Vespúcio, o sábio das artes náuticas que guiou a expedição de 1503 chefiada por Gonçalves Coelho, já se preocupou em registrar os perigos na área. Foi ele que anotou numa carta: “Quando te aproximares da terra, ABRE OS OLHOS”- o nome Abrolhos surgiu de uma corruptela desse alerta, com boa dose de sotaque português.

No dia 06/04/1983, 480 anos após o seu descobrimento, foi criado o primeiro Parque Nacional Marinho do Brasil, o de Abrolhos.

Sem dúvida alguma um lugar abençoado por Deus, um paraíso aqui na terra; que possui uma grande diversidade de fauna marinha, com inúmeras espécies de peixes, moluscos, corais, esponjas, tartarugas marinhas e outros mais.

Além de algumas aves (atobás, trinta-reis, fragata, grazina e benedito), onde em determinado período do ano (julho a novembro) pode-se observar as Baleias Jubarte, que procuram a região para se reproduzir.

Ilha de Coroa Vermelha

Ilha arenosa de pequeno porte, localizada à 1h30 de escuna do porto de Nova Viçosa, muito atraente com sua peculiar formação de depósitos de recifes de corais, topo de um antigo recife de coroa, em pleno Oceano Atlântico.

Ilha de Coroa Vermelha na Bahia

Na maré baixa, ocorre o aparecimento de várias piscinas, o que proporciona a visualização de exóticas espécies marinhas com peixes coloridos, algas, estrelas do mar e tartarugas, dentre outras.

Ilha de Barra Velha

Um inesquecível encontro com a natureza, formada por manguezais, restingas e Mata Atlântica.

Ilha de Barra Velha em Nova Viçosa

São 15 minutos de lancha pelo rio Peruípe, contemplando as famosas ilhas de mangue, com grande variedade de aves e rica fauna marinha. Opção segura para quem gosta de caminhadas, trilhas e privacidade.

Praias

Praia do Lugar Comum

Praia do Lugar Comum em Nova Viçosa
Praia do Lugar Comum em Nova Viçosa

Praia urbana, point de jovens, de ondas fracas mornas, areia batida e branca, com verdes coqueirais. Uma das mais frequentadas pelos turistas e pela comunidade.

Praia do Pontal da Barra

Praia do Pontal da Barra em Nova Viçosa
Praia do Pontal da Barra em Nova Viçosa

Próxima ao centro de Nova Viçosa, na avenida Beira Mar, localiza­se esta praia tranquila, que possui um ancoradouro de pequenas embarcações. As águas são turvas por causa do rio Peruípe que desagua no mar.

Praia do Pau Fincado

Praia do Pau Fincado em Nova Viçosa
Praia do Pau Fincado em Nova Viçosa

Praia reta, situada no perímetro urbano, de ondas fracas e areia batidas. Uma das mais frequentadas, reúne barracas de petiscos e algum artesanato em madeira.

Praia da Costa do Atlântico

Praia da Costa do Atlântico em Nova Viçosa
Praia da Costa do Atlântico em Nova Viçosa

Praia deserta de ondas fortes, com muitos coqueiros, distante do centro urbano, refúgio de tartarugas marinhas. Boa para pesca do robalo e do camarão.

Praia Sabacuí

Praia Sabacuí em Nova Viçosa
Praia Sabacuí em Nova Viçosa

Situada a 2 km da sede, possui água limpa e areia clara. Enseada de ondas mansas, extensa, com búzios sobre areia fina e solta. Encontro do rio Sabacuí com o mar, formando grandes depósitos de areia (dunas). Possui barracas que funcionam na alta temporada.

Caravelas

Fica a 870 km de Salvador e 36 km ao sul de Prado, na BA-001, às margens do Rio Caravelas, que aí encontra o mar.

Ao longo da costa, perto da cidade, há bonitas praias, Kitongo, Grauçá e Iemanjá em Barra de Caravelas.

A cidade é conhecida por suas festas religiosas, que atraem milhares de devotos.

Fundada em 1.503, tornou-se um importante centro comercial nos séculos XVII e XVIII. Hoje, essa encantadora cidade colonial e suas praias vizinhas são lugares ideais para lazer, aonde convergem muitos turistas.

Para conhecer a área, a melhor opção é dar um passeio de barco até Coroa da Barra situada nas margens do Rio Caravelas em frente a Barra de Caravelas, para o sul para conhecer os manguezáis da Ilha da Cassumba até Nova Viçosa e Coroa Vermelha, pequena ilha de origem coralífera a 12 millas náuticas da cidade.

Caravelas é um dos três pontos de saída para visitar o Arquipélago dos Abrolhos e o Parcel das Paredes onde de julho a novembro é possível avistar baleias jubarte.

O acesso a Caravelas faz-se de carro, ônibus ou avião. Seu aeroporto atendia a região, com saída de Salvador e Belo Horizonte, a capital do vizinho estado de Minas Gerais e vôos charter provenientes de São Paulo, hoje não recebe mais turistas. A cidade tem acomodações hoteleiras confortáveis e boms restaurantes.

Alcobaça

É uma pequena cidade no sul, a 26 km de distância do Prado, onde há cinco bonitas praias – uma excelente para surfe – Coqueiro – com ondas muito fortes, uma boa para pesca – Barra – e três apropriadas para banho – Farol, Alcobaça e Zeloris.

Alcobaça na Bahia

Em Alcobaça, localiza-se o Centro de Visitantes do Parque Nacional Marinho dos Abrolhos e um dos três pontos de saída para visitar o parque no arquipélago. A cidade tem pequenos hotéis e alguns bons restaurantes.

Prado

Prado esta aocalizada no extremo sul da Bahia, Prado está estrategicamente situada na região denominada como Costa das Baleias, devido à ocorrência de Baleias Jubarte, e na Costa do Descobrimento, por ter sido a Barra do Cahy, em terras Pradenses, o primeiro ancoradouro da esquadra Portuguesa em 1.500.

Guia Turístico de Prado e Abrolhos

A parte central é toda plana, com casarios antigos e ruas calçadas com paralelepípedos o que proporciona passeios ciclísticos para todas as faixas etárias, num clima gostoso e interiorano.

Nas esquinas da cidade é que o turista descobre o que a Baiana tem: Com seus vestidos rendados, turbantes e colares coloridos, servem desde “apimentados” acarajés a deliciosas cocadas.

Com seus 84 km de praias ainda pouco exploradas, podemos apreciar lindas formações de falésias, num degradê de cores que variam entre o ocre, o bege e o vermelho; riachos que serpenteiam por quase todo o litoral e praias de águas mansas, mornas e convidativas.

A areia monazítica, muitíssimo procurada por suas características medicinais, é encontrada em inúmeras praias (Areia Preta, Cumuruxatiba, Japara etc.).

Os passeios de barcos e escunas, mostram toda beleza do encontro das águas do rio com o mar (Barra do Jucuruçu e Barra do Cahy) e, saindo de Cumuruxatiba, é possível fazer o mesmo percurso da Esquadra Portuguesa em 1500.

Os adeptos da pesca de mergulho ou aqueles que somente querem relaxar, não poderão ficar sem conhecer os recifes das Guaratibas, Timbebas e a Ponta do Corumbau, onde a ponta de areia avança mais de 1 km no oceano quando a maré está baixa. É uma visão espetacular. Às suas costas, ergue-se o imponente Monte Pascoal, que do alto dos seus 530 m aquietou os corações dos navegadores em 1500.

Longe de tudo- este é o significado da palavra Corumbau na língua dos Pataxós. Longe de todas as preocupações seria a expressão mais completa.

Mergulho nos recifes, passeios de caiaques, canoas e escunas… caminhar pelas praias, andar a cavalo, conhecer a reserva dos índios, o Parque Nacional, são os encantos desse paraíso ecológico e a magia do lugar.

No norte da área de Prado, há oito bonitas praias, boas para trekking por terra, visto que a maioria delas são formadas por penhascos altos e escarpados. Na direção sul, há mais cinco praias bonitas. Para banho, é melhor em Novo Prado, Prado e Barra, enquanto que, para pesca, é melhor nas duas mais ao sul – Quati e Guaratiba, a primeira rica em polvo e lagosta, enquanto a segunda tem uma extensa baía onde o robalo é abundante.

Chega-se a Prado pela BA-489, sendo 47 km de Itamaraju, 200 km de Porto Seguro e 812 km de Salvador. Prado tem um aeroporto regional. A cidade tem algumas construções do século XVI, variedade de hotéis e pousadas.

Praias de Prado

A moldura é semelhante na maioria das praias de Prado – falésias, coqueiros e riachos. São mais de 80 quilômetros de orla com opções para todos os gostos.

O sossego é constante na praia do Quati, sem qualquer infraestrutura. Já nas praias da Paixão, Prado e Novo Prado o burburinho é garantido em função das barracas e quiosques. No meio termo está Tororão, sossegada e com um único quiosque.

Praia de Prado ou Centro

Praia do Centro em Prado
Praia do Centro em Prado

Muito movimentada na alta temporada, a praia central oferece barracas com música, coqueiros, areia fofa e dourada e muitas ondas. Shows animam a área no verão.

Praia Novo Prado

Praia Novo Prado em Prado
Praia Novo Prado em Prado

A 1 km do centro, o destaque é pela areia grossa. São as mais freqüentadas, devido à excelente infra-estrutura de barracas de praias, que oferecem deliciosos petiscos, cerveja bem geladinha e como não podia deixar de ser, muito coco gelado.

Novo Prado é repleta de pousadas e casas de veraneio espalhadas por ruas de terra. O movimento é grande no verão em função das barracas. A praia tem extensa faixa de areia grossa, boa para caminhadas.

Praia da Paixão

Praia da Paixão em Prado
Praia da Paixão em Prado

A praia da Paixão é bastante procurada pela boa infraestrutura emoldurada por falésias, pedras e riachos. A Estrada Litorânea que liga Prado a Cumuruxatiba começa nela e tem linda vista, com falésias enormes, repletas de coqueiros.

Um pequeno rio, paralelo à orla, separa a faixa de areia da área onde ficam as barracas. Fica a 13 quilômetros do Centro.

Praia da Barra

Praia da Barra em Prado
Praia da Barra em Prado

O nome vem do encontro do mar com o rio Jucuruçu, que forma extensas enseadas. Os destaques ficam por conta dos coqueirais, das ondas fortes, da extensa faixa de areia (boa para caminhadas) e das águas refrescantes do rio. Fica a três quilômetros do Centro.

Praia de Guaratiba

Praia de Guaratiba em Prado
Praia de Guaratiba em Prado

O acesso feito por um condomínio leva à extensa praia de areia batida, pontilhada por quiosques. De lá partem barcos que levam aos recifes, perfeitos para mergulho de snorkel.

A praia é ponto de encontro de estrageiros, em especial de italianos. Fica a 14 quilômetros do Centro.

Praia da Viçosa (da Amendoeira)

Praia da Viçosa em Prado
Praia da Viçosa em Prado
 
Entre as praias da Paixão e do Farol, a pequena enseada é tranquila e protegida por recifes. No cenário sem barracas imperam coqueiros, uma solitária amendoeira, falésias e um riacho. Fica a dez quilômetros do Centro.

Praia das Ostras

Praia das Ostras em Prado
Praia das Ostras em Prado
 
O canto esquerda descortina uma bela vista degradée das falésias. O mar mansinho e a piscina natural formda pelo rio das Ostras são ótimos para banhos. Fica a 20 quilômetros do Centro.

Praia do Farol

Praia do Farol em Prado
Praia do Farol em Prado
 
As falésias mais coloridas da região ficam na praia do Farol – do alto delas, ao lado do Farol da Marinha, fica a melhor vista de toda a costa de Prado. Extensa e repleta de coqueiros, fica a sete quilômetros do Centro.

Tororão

Praia do Tororão em Prado
Praia do Tororão em Prado
 
O principal atrativo da praia do Tororão é a cascata de água doce que cai na praia. O cenário é incrementado ainda por recifes, falésias e mar calmo. Fica a 18 quilômetros do Centro e tem uma barraca que serve petiscos.

Lagoa Pequena e Lagoa Grande

Lagoa Pequena e Lagoa Grande
Lagoa Pequena e Lagoa Grande

A praia da Lagoa Pequena, ao sul, tem uma pequena faixa de areia e algumas barracas e restaurantes. Ao norte, na praia da Lagoa Grande, o banho também pode ser de água doce – a lagoa de águas escuras junta-se com o mar na maré alta.

Quati

O cenário é perfeito para quem quer descansar em meio a águas calmas e rasas e muitos coqueiros. 

Falésias

O litoral de Prado é todo recortado por quilômetros de falésias, gravadas num degradê de cores que variam entre o ocre, bege e vermelho, com vegetação rasteira cobrindo alguns pontos.

A natureza é um espetáculo que enche os olhos do visitante. Ninguém escapa da paixão à primeira vista.

As falésias dominam o ambiente, imponentes, numa beleza sem par. O mar é um convite constante ao mergulho.

Manguezais

Importante ecossistema existente nas regiões tropicais e subtropicais, resultante do encontro da água doce dos rios com a água salgada do mar. Os manguezais são verdadeiras florestas à beira mar.

Composto de matéria orgânica em decomposição e estrutura argilosa, o solo dos manguezais torna-se um celeiro alimentar indispensável às espécies que se reproduzem nesse ambiente. Esses seres vivos apresentam tanto importância ecológica quanto econômica, compondo a base de uma cadeia alimentar que inclui, no seu extremo, o próprio homem.

Os manguezais são considerados verdadeiros berçários do mar. A importância desse ecossistema para a nossa vida pode ser observada na riqueza e variedade de alimentos a base de peixes e crustáceos que consumimos.

Prado possui extensas áreas de manguezais praticamente intocados, propiciando passeios inesquecíveis, que coloca você em contato íntimo com toda exuberância de vida e beleza natural desse ecossistema.

Rio Jucuruçu

Serpenteando entre a cidade e a praia, o Rio Jucuruçu é uma paisagem deslumbrante. É sempre margeado de manguezais praticamente intocados.

Barras verdes de matas e mangues, propiciam passeios inesquecíveis. Trapiches rústicos servem de ancoradouro a coloridos barcos pesqueiros. A pesca é artesanal e em harmonia com o meio ambiente.

Cumuruxatiba

O estilo de vida dessa aconchegante aldeia de pescadores é definido por uma frase cunhada pelos nativos: “Em Cumuruxatiba o tempo não tem pressa e a preguiça é mais gostosa”.

Com belas praias recortadas por pequenos rios de águas limpas, ferruginosas e frias, contrastando com o mar de águas mornas e áreas remanescentes da mata atlântica, molduras por coqueiros, CUMURUXATIBA, tem muita história para quem a visita, a natureza é um espetáculo que enche os olhos dos visitantes, ninguém escapa da paixão à primeira vista.

O PIER de CUMURUXATIBA, cartão postal da Praia da Vila, se incorporou à paisagem do lugar, construído nos anos 50 por uma empresa alemã com objetivo de facilitar o acesso de navios à praia para retirada da areia monazítica. É o segundo maior píer do mundo, com mais de 600 m de extensão.

Ponta do Corumbau
Ponta do Corumbau

A vila de CORUMBAU já conta com uma estrutura razoável capaz de receber com conforto os visitantes.

Mais ao norte, cerca de 32 km pela praia, a natureza da outro show, a PONTA DE CORUMBAU, um banco de areia que avança mais de 600 metros para o mar, com um bando de gaivotas, que da uma beleza ímpar. Sua praia com águas verdes contrastam com o branco de areia e a cor de coca-cola do rio que corre do outro lado.

Longe de tudo – este é o significado da palavra Corumbau na língua dos Pataxó. Longe de todas as preocupações, seria a expressão mais correta… Imensa praia de águas mansas, mornas e cristalinas.

Os passeios de barcos e escunas mostram toda beleza do encontro das águas do rio com o mar, e partindo de Cumuruxatiba é possível fazer o mesmo percurso da Esquadra Portuguesa em 1500.

Na maré baixa avista-se uma ponta de areia que avança aproximadamente 600 mts mar adentro.

O rio Corumbau serpenteia pela terra e vem desembocar na praia, numa beleza única. Do outro lado do Rio Corumbau, fica Barra velha, reserva dos índios Pataxó, com seus belos artesanatos.

Parque Nacional Monte Pascoal
Parque Nacional Monte Pascoal

Este passeio é feito de barco, é comum uma parada nos corais Pataxó, o lugar é bom para mergulho e pesca submarina, e ainda, é onde pode se ver o MONTE PASCOAL, foi o primeiro ponto brasileiro captado pelas lunetas lusas.

Os parcéis que contornam a praia da vila são perfeitos para mergulhos com máscara e snorkel. Também merecem atenção os coloridos recifes de Itacolomi e os corais do Pataxó. Já os adeptos do mergulho de garrafa devem seguir para o arquipélago de Abrolhos, a 70 quilômetros da costa, com rica vida marinha, cavernas e costões.

Cidades, Praias e o Arquipélago de Abrolhos do extremo sul da Bahia

 

Leave a Comment

You have to agree to the comment policy.

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.