Home / Nordeste Guia Turismo / Maranhão / Complexo da Pedra Caída

 
Complexo da Pedra Caída

Complexo da Pedra Caída

O Complexo da Pedra Caída no Maranhão é uma atração obrigatória para quem passa pela Chapada das Mesas (MA) e a dica vale até para os menos adeptos às atividades na natureza.

A 36 quilômetros do centro de Carolina e a 6 km da entrada do Parque Nacional da Chapada das Mesas fica o Complexo da Pedra Caída.

São 12.600 hectares destinados exclusivamente ao ecoturismo e ao turismo de aventura. Aqui, você vai encontrar 25 quedas d’água, mas a principal delas é a Cachoeira do Santuário com 46 metros de altura.

O Complexo da Pedra Caída tem dois biomas quase ao mesmo tempo porque o local é onde o Cerrado e Amazônia se encontram.

Do alto se vê o vale com as mesas entre a vegetação rasteira e, descendo as trilhas para as cachoeiras, se sente a umidade da floresta tropical.

Veja o vídeo sobre o Complexo da Pedra Caída

Complexo Turístico da Pedra Caida

Complexo da Pedra Caída é uma mistura de resort com parque das águas, na beira da estrada ao lado do Parque Nacional da Chapada das Mesas, ocupado por 25 cachoeiras, piscinas naturais, platôs e cânions.

A estrutura oferece uma série de opções de lazer e aventura pra passar o dia ou se hospedar.

Santuário da Pedra Caída

São 600 metros pelas rampas de madeira suspensas até a entrada de um canyon com paredões de 50 metros de altura.

A partir deste ponto é trilha na água por mais 370 metros até ter o pescoço coberto e se impressionar com o Santuário.

Pingos leves começam a cair no meio do percurso e vão aumentando, da mesma forma que aumenta o barulho que vem depois de uma curva, momento em que a curiosidade aumenta porque fica escuro e pouco se vê.

Cachoeira do Refresco (Paredão) no Complexo da Pedra Caída

Cachoeira do Refresco (Paredão)

As rochas, formadas por longo processo erosivo de cerca de 60 milhões de anos, exibem um movimento orgânico e aparência sedosa por causa do molhado.

Finalmente me deparei com 46 metros da queda d’água caindo de um buraco por onde a luz passa rapidamente apenas por volta do meio-dia.

Além da pouca luz, a movimentação da água tira o equilíbrio e é quase impossível clicar uma boa foto. Por isso, dizem que não há como descrever o que é o Santuário, é preciso sentir na pele essa energia.

Cachoeira do Capelão no Complexo da Pedra Caída

Cachoeira do Capelão

Passei um tempo encantada olhando pra cima com uma sensação de felicidade por estar ali.

Quando mergulhei, encontrei peixes grandes e uma força difícil de ultrapassar pra chegar embaixo da cachoeira, não insisti e continuei apreciando.

A beleza e o conjunto de sensações do momento fazem dela uma das cachoeiras mais interessantes que já vi.

Cachoeira do Capelão

São 20 metros de uma queda estreita direto para um poço.

Nesta, a trilha a pé é bem curta, mas pra chegar ao início do caminho é preciso um veículo 4×4 por poucos quilômetros.

Cachoeira da Caverna no Complexo da Pedra Caída

Cachoeira da Caverna

O passeio é combinado com a Cachoeira da Caverna.

Cachoeira da Caverna

Da mesma forma que a anterior, precisa do veículo e depois uma trilha curta pelas passarelas até a entrada de uma caverna.

A partir dali segui a pé poucos metros em direção à luminosidade que vinha de cima, era outro buraco de onde a água caía por 15 metros direto no poço raso. E atrás dela outra caverna menor e bem mais escura.

ponte suspensa no Complexo Turístico Pedra Caida

Ponte suspensa

Tirolesas

São duas de 1200 e 1400 metros, onde a maior é considerada a tirolesa mais alta e segunda mais longa do Brasil. 

Para chegar ao ponto de partida, tem uma subida de 600 metros pelas passarelas ou o teleférico.

Teleférico

É o caminho mais rápido para alcançar a pirâmide e as tirolesas, localizadas a 400 metros de altura.

Pirâmide no Complexo da Pedra Caída

Pirâmide

Também um passeio tranquilo para apreciar a região do alto ao longo de seus 2400 metros de extensão. Durante 28 minutos, dá para ver todo o complexo, parte do Parque Nacional e a estrada.

Pirâmide

No ponto mais alto da propriedade, existe uma pirâmide de ferro e vidro com um cristal na ponta.

Segundo um funcionário, a região dos famosos cristais da Chapada dos Veadeiros (GO) começa neste local e o objetivo da estrutura é proporcionar boa energia aos visitantes.

Quando visitei pela primeira vez, estava em construção e agora virou um centro de meditação localizado ao lado do teleférico e das tirolesas.

Um caminho escuro sinalizado no piso deve ser seguido com o pensamento em eliminar coisas ruins da nossa mente. Ao chegar no meio da pirâmide, é hora de voltar pelo caminho em branco, agora sentido a energia boa entrando.

Guia de Turismo e Viagem do Complexo da Pedra Caída

Guia de Turismo e Viagem da Bahia e Nordeste

Summary
Complexo da Pedra Caída Guia Turismo
Title
Complexo da Pedra Caída Guia Turismo
Description

O Complexo da Pedra Caída é atração obrigatória para quem passa pela Chapada das Mesas (MA) e a dica vale até para os menos adeptos às atividades na natureza. A 36 quilômetros do centro de Carolina e a 6 km da entrada do Parque Nacional da Chapada das Mesas fica o Complexo da Pedra Caída.

 
Share this page
 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
 
%d blogueiros gostam disto:
Play All Replay Playlist Replay Track Shuffle Playlist Hide picture