Home / Nordeste Guia Turismo / Pernambuco / Sertão / Guia de Turismo e Viagem de Petrolina em Pernambuco

 
Petrolina e Juazeiro

Petrolina e Juazeiro

Petrolina é um município brasileiro do interior do estado de Pernambuco.

O Rio São Francisco é o principal cartão postal da cidade, ele leva vida a cidade de Petrolina, através de sua águas a cidade fertilizou as suas terras e começou a produzir diversas variedades de frutas, a principal delas é a uva, Petrolina é muito conhecida por ter vinhos de ótima qualidade.

O Rio São Francisco também proporciona ao visitante diversas opções de lazer e diversão, em Petrolina as margens do rio recebem o nome de Praia por conta da imensidão do rio.

Petrolina antiga

Petrolina antiga

É possível praticar esportes aquáticos e fazer passeios de Catamaran, a orla do rio São Francisco também é bastante visitada e organizada, tornando este que é um dos maiores rios do Brasil em um existente ponto turístico.

Uma ponte une a pernambucana Petrolina, na margem direita do São Francisco, a Juazeiro, que pertence à Bahia; há balsas que fazem o percurso entre uma e outra, cruzando o rio.

video

Apesar dessa proximidade, Petrolina tem identidade própria, calcada na idéia de encontro e de mistura – uma imagem que parece inscrita já no próprio nome do município, soma de Pedro (de dom Pedro I) e Leopoldina (de Maria Leopoldina de Habsburgo, imperatriz do Brasil).

Desafiando a seca, a cidade, plantada em pleno sertão, a 767 quilômetros de Recife, tornou-se a maior exportadora de frutas do país e vem aprimorando sua produção de vinhos, inclusive o do Porto.

Entre as atrações, vale mencionar o Espaço Cultural Ana das Carrancas, com suas expressivas figuras, e o Museu do Sertão.

Barragem de Sobradinho

Construída no Rio São Francisco a Barragem de Sobradinho recebe o titulo de ser “o maior lago artificial do mundo em espelho d’água”, sua área chega a medir aproximadamente 4.214 km2.

Petrolina não tem praia, mas as águas do Velho Chico garantem o lazer. Na “orla”, a diversão é garantida por conta dos restaurantes, bares, sorveterias, pista de Cooper.

Já na Ilha do Rodeadouro, nativos e turistas se encontram para praticar esportes nas areia claras e finas, passear de barco e curtir os bares e restaurantes que capricham nas receitas à base dos pescados do rio São Francisco, como o peixe assado na folha de bananeira. A ilha é acessível por barco e o transporte funciona 24 horas.

Petrolina é um oásis em pleno sertão por conta da proximidade com o Rio São Francisco, está ganhando fama por conta da produção e exportação da refinada bebida.

Quem ganha são os turistas, que incluem um exótico roteiro na programação: visita às vinícolas com direito a caminhadas entre os parreirais, acompanhamento do processo de fabricação e degustações.

Também é possível conhecer as fazendas de frutas tropicais, que proliferam pela região.

Mas nem só os vinhos convidam a conhecer a cidade. As receitas à base de carne de bode são tão badaladas que Petrolina ganhou um complexo de restaurantes especializados na iguaria, o Bodódromo.

Chega-se a Petrolina a partir de Recife pela BR-232; o trajeto, contudo, não oferece segurança – a estrada corta uma área conhecida pela ocorrência frequente de assaltos, sobretudo no trecho próximo ao município de Salgueiro. O acesso por ]uazeiro é mais recomendável.

O aeroporto de Petrolina recebe vôos regulares da capital pernambucana e de São Paulo.

Atrações turísticas em Petrolina

ESPAÇO CULTURAL ANA DAS CARRANCAS

Com mais de oitenta anos, ela já foi homenageada por bandas de rock (os Carrancudos) e grupos de maracatu (Matingueiros); ganhou uma biografia (Ana das Carrancas, a dama do barro, escrita pelo jornalista pernambucano Emanuel de Andrade) e costuma exportar suas peças para a Europa.

Ana das Carrancas

Ana das Carrancas

Uma das poucas mulheres que se dedicam à construção de carrancas, Ana Leopoldina dos Santos, a Ana das Carrancas, produz trabalhos em que a originalidade decorre não só do uso do material – o barro em vez da madeira – , mas também de um detalhe: todas as suas figuras têm os olhos vazados.

A inspiração veio de uma promessa: se as carrancas a ajudassem a tirar o marido cego das ruas, onde pedia esmolas, faria todas as peças daquele modo. Além de vender os trabalhos de dona Ana, o espaço organiza oficinas e cursos para a comunidade. BR-407, 500, Cohab Massangano.

CATEDRAL DE PETROLINA

CATEDRAL DE PETROLINAA Catedral de Petrolina foi construída pelo primeiro Bispo da Diocese, Dom Antonio Malan. A pedra fundamental foi benta e colocada no local do antigo cemitério paroquial em fevereiro de 1925 e a inauguração deu-se em agosto de 1929.

Trata-se de um templo imponente e majestoso, em estilo gótico, que caracteriza e dá destaque à cidade e à região de Petrolina.

A Catedral de Petrolina foi edificada em pedras retiradas do próprio local, e de pedreiras próximas, construída em estilo neo-gótico ou gótico tardio, sendo composta por uma fachada imponente e um conjunto de 57 vitrais (advindos da França, semelhantes aos da Catedral de Notre Dame e algumas da Europa), que se tornou um dos maiores e mais belos do Brasil. e vitrais vindos da região francesa de Grenoble.

O mecanismo do relógio foi doado pelo padre Cícero. Praҫa D. Malan, s/n, Centro.

Construída com frente para o poente, seguindo a antiga regra litúrgica, local onde está a Terra Santa e, portanto, o túmulo de Cristo.

O forro e o telhado têm formato de Cruz Latina; na torre esquerda está o relógio de dois metros e meio de diâmetro, doado por Pe. Cícero; há três sinos de bronze pesando 1.440 kg presentes da França; já o acervo sacro é constituído de peças presenteadas por ilustres padrinhos na maioria brasileiros e franceses. Existem cinco Capelas dentre as quais se encontram os jazidos de Dom Malan e Dom Campelo (1° e 4° Bispos de Petrolina).

Museu do Sertão em Petrolina

Museu do Sertão em Petrolina

MUSEU DO SERTÃO

A diversidade do acervo do Museu do Sertão é a marca deste museu, que pretende sintetizar o mundo do sertão.

Há desde fotos e objetos que pertenceram a Lampião até fósseis de peixes pré-históricos (prova de que a regiào foi , um dia, marinha), passando por plantas medicinais e pela réplica de uma casa sertaneja típica do século XVIII.

Inaugurado em 1973, o museu passou por reformas e foi reaberto em 1996. Rua Esmelinda Brandão, s/n, Centro.

BODÓDROMO

Bodódromo em Petrolina

Bodódromo

Apesar do nome, nenhum dos oito estabelecimentos do Bodódromo serve carne de bode, e sim de carneiro.

Isso se deve a dois motivos: o carneiro se reproduz duas vezes por ano e tem até quatro filhotes – o bode, apenas um no mesmo período -, e sua carne é mais macia e tem cheiro mais suave que a do animal que inspirou o lugar. Av. São Francisco, s/n, Areia Branca.

ANTIGA ESTAÇÃO FERROVIÁRIA DA LESTE BRASILEIRA

Inaugurada em 1923, a sua construção evidencia o gosto neoclássico e neocolonial. Tombada pelo Patrimônio Histórico-Cultural, após restauração, abriga, hoje, a sede da Fundação Cultural de Petrolina.

ANTIGA ESTAÇÃO FERROVIÁRIA DA LESTE BRASILEIRA

Para quem gosta de história, a antiga estação é um ponto turístico que não pode ser perdido. A estação está bem conservada.

ILHA DO FOGO

ILHA DO FOGO EM PETROLINA PE

Ilha do Fogo

A Ilha do Fogo é muito visitada, principalmente no fim da tarde, é de lá que se tem uma das mais belas vistas do por do sol no velho rio Chico, como e carinhosamente chamado pelos moradores.

Você também pode aproveitar para mergulhar nas águas do velho Chico. O local é muito tranquilo, com boa infraestrutura, apesar do acesso difícil, pois só é possível fazê-lo a pé.

VINHOS DE PETROLINA E REGIÃO

A combinação de sol forte, tipo de solo e água do rio proporciona duas safras anuais de uva no vale do São Francisco, feito raro no mundo.

Essa região, localizada no paralelo 8, abrange Petrolina e também Juazeiro, na Bahia, e vem se tornando grande produtora de vinhos – alguns deles classificados entre os melhores do país.

Ao contrário dos vinhos do Sul, em geral envelhecidos em tonéis de carvalho, os nordestinos são jovens, acondicionados em barris de alumínio durante o processo de produção.

Guia de Turismo e Viagem de Petrolina no Sertão de Pernambuco

 
Share this page
 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
 
%d blogueiros gostam disto:
Play All Replay Playlist Replay Track Shuffle Playlist Hide picture