Guia de Turismo e Viagem da Paraíba

Paraíba
Paraíba

O litoral da Paraíba está entre os mais belos do Brasil, muitas praias tranqüilas, areia fina e coqueirais.

O interior da Paraíba faz parte do polígono das secas, sertão nordestino onde predomina a caatinga.

O encanto da Paraíba vem igualmente de sua história e de sua geografia. Nos primeiros tempos da colonização, o território foi disputado aos portugueses pelos franceses e depois pelos holandeses.

Mais tarde, exerceu um papel relevante em movimentos políticos como a Revolução Pernambucana (1817) e a Confederação do Equador (1824), nos quais se destacou a figura do carmelita Joaquim do Amor Divino, o frei Caneca.

No século XX, o assassinato de seu ex-governador, João Pessoa, em Recife, foi o estopim da Revolução de 1930.

As marcas dessa história estão por toda parte – a começar pelo nome da capital da Paraíba, um dos principais destinos dos turistas que visitam o estado.

Não por acaso estão lá alguns dos mais importantes monumentos arquitetônicos da Paraíba, como o Palácio da Redenção (1586) e a igreja de São Francisco (1589).

mapa turístico da Paraíba
mapa turístico da Paraíba

A natureza, por sua vez, não poderia ter sido mais generosa com a regiào, que guarda uma curiosidade geográfica: a Ponta do Seixas, na capital paraibana, é o extremo leste do continente sul americano, o que significa que é ali que o sol chega primeiro, todos os dias.

Veja o mapa das praias da Paraíba

Se João Pessoa tem belas praias, as outras cidades do litoral oferecem paisagens inesquecíveis de areia branca, mar verde e coqueiros. No desenvolvido interior da Paraíba destaca-se Campina Grande, onde se reauza uma das mais disputadas festas de São João do país.

A mesma região abriga – em mais um extraordinário encontro entre geografia e história – o Sítio Arqueológico de Ingá, com inscrições rupestres que podem ter sido feitas há 25 mil anos, e o vale dos Dinossauros, em Sousa, onde os pesquisadores descobriram rastros de pegadas de 50 metros – os maiores já encontrados no mundo.

Vídeos Guia de Turismo da Paraíba

Pontos Turísticos da Paraíba

Litoral de João Pessoa

O Litoral de João Pessoa conta com as populares praias de Cabo Branco, Tambaú, Manaíra e Bessa. Calçadões que possibilitam a realização de caminhadas ou passeio. Ciclovias que ofertam a prática de atividades como ciclismo, patins e skate. 

Além disso, são dessas praias que saem os passeios náuticos para as Piscinas Naturais do Seixas, Picãozinho e Piscinas Naturais do Bessa.  Na praia do Bessa, há ainda a possibilidade de atividades em caiaques e Stand Up Paddle – esta última podendo ser realizada, inclusive no turno da noite. Mas, todas elas em consonância com a tábua de marés.

Litoral Sul da Paraíba

No Litoral Sul, o cenário é mais exótico. Entre as praias é possível citar Barra de Gramame, Praia do Sol, Praia do Amor, Jacumã, Coqueirinho, Carapibus, Praia Bela e Tambaba. Sendo esta última a primeira praia de naturismo do Nordeste e é conhecida também por sediar campeonatos de surfe naturista. Uma forma de conhecer as principais praias do Litoral Sul é por meio dos passeios de buggy.

Litoral Norte da Paraíba

Já o Litoral Norte é formado por 19 praias que se distribuem por cinco municípios da Paraíba. No município de Cabedelo, por exemplo, as praias de Camboinha, Ponta de Campina são opção para quem vai com criança pela tranquilidade de suas águas.

É dessas praias que também saem os catamarãs e lanchas com destino à ilha de Areia Vermelha. Barra de Camaratuba, Baía da Traição e Lucena também são praias que compõem esta terceira parte do Litoral paraibano.

DESTAQUES NA PARAÍBA

• As construções históricas e as praias urbanas de João Pessoa.
• O Farol do Cabo Branco em Ponta do Seixas, o ponto mais oriental da América do Sul.
• As praias e os peixes-boi de Barra de Mamanguape, declarada pela Unesco reserva da biosfera.
• O lajedo de Pai Mateus, em Cabaceiras, cidade-cenário das filmagens de O auto da compadecida.
• Os vestígios pré-históricos em Ingá e Sousa.

QUANDO IR A PARAÍBA

• Para João Pessoa, no verào (dezembro a fevereiro) ou na baixa estação para quem quiser relaxar numa cidade mais vazia.
• Para o litoral e algumas cidades do interior, como Areia, em qualquer época do ano, exceto entre maio e julho, quando chove muito. Já na interiorana Cabaceiras, o sol brilha o ano todo.
• No Carnaval, se quiser a agitação de um lugar como Jacumã, no litoral sul.
• Em junho, se o objetivo for conhecer uma das festas de São João mais agitadas do Brasil – a de Campina Grande.
• Entre julho e dezembro, período de seca, para ver melhor as pegadas dos dinossauros no solo de Sousa.

Guia de Turismo e Viagem da Paraíba

Leave a Comment

You have to agree to the comment policy.

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.