Home / Bahia e Salvador Guia de Turismo / Chapada Diamantina / Rio de Contas uma das mais antigas da região da Chapada Diamantina

 

RIO DE CONTAS NA CHAPADA DIAMANTINACom arquitetura barroca do século XVII, preservada, Rio de Contas foi a primeira cidade planejada do Brasil, em 1745, época do apogeu do ouro que parecia inesgotável.

Rio de Contas abriga comunidades de descendentes de portugueses que só se casam entre si. Eles ficam a 1500m (acima do nível do mar); já as duas comunidades negras descendentes de africanos estão em outra área, a 1050m.

O arquivo histórico municipal de Rio de Contas tem interessantes documentos, como cartas de alforria, sentença eclesiástica e certidões de escravos.

A rica flora fez com que em 1974, mais de 100 pesquisadores ingleses e brasileiros realizassem um estudo sobre a variedade local. Foram registradas mais de 1100 espécies e mais de 100 desconhecidas.

Filme Abril Despedaçado

Rio de Contas foi cenário do filme “Abril Despedaçado”, dirigido por Walter Salles (o mesmo diretor de Central do Brasil), as filmagens aconteceram entre agosto e setembro de 2000

Veja o mapa Chapada Diamantina

Clima & Temperatura em Rio de Contas

Clima seco e quente nos baixos / temperado ou frio nas serranas e nos gerais. A temperatura varia de 07ºc a 32ºc.

Melhor época para visitação

De dezembro a março, período de chuvas, quando o fluxo de água é maior, proporcionando assim, melhores banhos de cachoeira, além de deixar a flora muito mais verde.

Principais eventos em Rio de Contas

Fevereiro – o mais tradicional carnaval da Chapada Diamantina acontece em Rio de Contas. Concursos de máscaras, lavagem da Escadaria de Santana e festa na Praça da Matriz fazem parte da folia.

Maio/Junho – Festa do Padroeiro: Santíssimo Sacramento (Corpus Christi). Comemorada há mais de um século. Destaque para a véspera da festa com, a noite das lanternas e o tradicional leilão no adro da Igreja, e no dia da festa a procissão com as casas decoradas com toalhas de renda e crochê nas janelas, ruas atapetadas com flores, cascas de arroz, pó de serra, formado desenho alusivos aos festejos. Apresentação da Filarmônica Lira dos Artistas.

Igreja Nossa Senhora de Santana

Igreja Nossa Senhora de Santana

Atrações em Rio de Contas

Pico das Almas com 1958m – Um dos mais altos da Chapada Diamantina. Quem curte escalada, vê no pico mais uma possibilidade de aventura. Três dias com direito a acampamento no santuário ecológico do Largo do Queiroz e trekking por riachos e matas onde nasce o Rio Brumado já são recompensas antes da chegada ao cume.

Igreja Nossa Senhora de Santana – construída por escravos, permaneceu em ruínas por cerca de 50 anos, o que facilitou a retirada de

Pico das Almas

Pico das Almas

pedras para a construção de algumas casas vizinhas. A característica da construção, de acordo com arquitetos parece datar do século XIX. Após o tombamento algumas coisas como o telhado foram reconstruídos.

Flora – a região apresenta espécies ainda não identificadas ou catalogadas. A diversidade diz respeito às espécies decorativas (canelas de ema, orquídeas, bromélias, cactos e sempre-vivas), às de destinação alimentar ou medicinal.

Museu Zofir – na casa onde viveu o artista plástico Zofir Oliveira Brasil (1926-1990) estão expostos os curiosos trabalhos feitos com mat

Cachoeira do Fraga - Rio de Contas

Cachoeira do Fraga

erial reciclado e sucata. Na entrada de Rio de Contas fica uma pedra pintada, a Negra do Zofir.

Pico Barbado – 2033m, o pico mais alto do Nordeste e formação geológica de rara beleza. É uma área de proteção ambiental devido sua riqueza

botânica.

Estrada Real – via de pedestres. Calçada em lajes de pedras que ligava Rio de Contas à cidade de Livramento. O percurso proporciona toda a beleza da descida da serra.

Antiga Casa de Câmara e Cadeia – uma das mais temidas prisões baianas na época da escravidão. Até hoje existem no local instrumentos

Antiga Casa da Câmara e Cadeia (Atual Forum)

Antiga Casa da Câmara e Cadeia (Atual Forum)

que serviam para torturar os escravos, além de um brasão do império em sua fachada.

Arquivo Municipal – Casa onde nasceu o Barão de Macaúbas (Abílio de César Borges). O local tem documentos que registram o passado da região desde 1724. Cartas de alforria, sentença eclesiástica e certidões de escravos entre outros, fazem parte do acervo.

Cachoeira do Fraga – Queda d’água no Rio Brumado. Forma piscinas naturais ótimas para banho.

Ponte do Coronel – nada mais, nada menos que 8 piscinas naturais!

Poço das Andorinhas – Situado no distrito de Arapiranga, à 25 km da sede do município. O poço fica no alto de uma serra, onde se chega por uma estrada íngreme podendo ser vencida a pé ou em veículo 4×4, num percurso de 6 km.

A trilha é entrecortada por cascatas e piscinas naturais de águas cristalinas.

Guia de Viagem e Turismo de Rio das Contas na Chapada Diamantina

Summary
Rio de Contas uma das mais antigas da região da Chapada Diamantina
Title
Rio de Contas uma das mais antigas da região da Chapada Diamantina
Description

Rio de Contas com arquitetura preservada foi a primeira cidade planejada do Brasil, em 1745, época do apogeu do ouro que parecia inesgotável.

 
Share this page
 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

 
 
 
%d blogueiros gostam disto: